Account Login

Nota do editor: Hoje anunciamos que Matt Hicks assumirá o cargo de presidente e CEO da Red Hat, sucedendo a Paul Cormier, que atuará como chairman da Red Hat. Matt compartilhou o seguinte e-mail com os Red Hatters.

Olá a todos,

Quando entrei na Red Hat em 2006 como desenvolvedor da equipe de TI trabalhando na portabilidade de aplicativos Perl para Java, não imaginava que minha carreira me levaria a esse momento. Se eu tivesse seguido meu caminho inicial, não tivesse levantado minha mão para determinados projetos, ou me esquivado de contribuir com ideias e fazer perguntas, talvez eu não estivesse aqui. É isso que eu amo na Red Hat e é algo que nos diferencia de outras empresas: nada é predeterminado. Nossa paixão e vontade para contribuir e causar impacto são as únicas coisas que podem nos limitar — não apenas como indivíduos, mas também como empresa.

Nosso legado de sucesso, no entanto, pode nos levar a acreditar que o sucesso é uma certeza para a Red Hat. Aprendi muito com Paul Cormier ao longo dos anos, mas o que tento aplicar todos os dias é que teremos que lutar para que a Red Hat alcance o sucesso – ele não virá de graça para nós. Era assim quando a Red Hat foi fundada, é assim hoje e será assim no futuro.

Trabalhei com Paul por mais de uma década e nunca o vi ser complacente. Nunca o vi desistir. Ele dá tudo de si à Red Hat todos os dias. Essa motivação sempre me motivou a ficar empolgado pensando nas possibilidades da Red Hat. E se há uma coisa que posso garantir sobre o papel de Paul como chairman é que ele continuará nos incentivando rumo ao sucesso. E devemos estar sempre prontos para conquistá-lo.

Me sinto honrado, orgulhoso e grato ao assumir esse cargo, para atender a vocês e ajudar a levar a Red Hat a posições ainda melhores. Há oportunidades significativas à nossa frente e estou animado para agarrá-las. Enquanto me preparava para assumir como CEO, passei muito tempo refletindo sobre o que faz a Red Hat ser única. Há três valores que eu quero que nós passemos a adotar como Red Hatters ou, em alguns casos, com os quais devemos reforçar nosso comprometimento.

Paixão com respeito.

Estamos aqui porque acreditamos que a Red Hat pode resolver muitos dos maiores desafios do nosso setor e do nosso mundo com open source. Estamos aqui porque acreditamos que a Red Hat pode possibilitar que nossos clientes inovem e resolvam desafios para seus clientes com código aberto. Só podemos dizer que o open desbloqueia o potencial do mundo se tivermos paixão por trás dessa afirmação. E nós temos.

O desenvolvimento de código open source sempre resultou em uma inovação melhor e mais rápida porque úne pessoas com diversas experiências para trabalharem juntas para resolver um desafio comum e gerar novas ideias. Esta é a Red Hat.

Seguir esse lema na prática significa dar tudo de nós todos os dias e nunca ser complacente. Devemos constantemente incentivar uns aos outros, sempre lembrando que estamos no mesmo time. Devemos buscar e incluir ativamente perspectivas novas e diferentes. Fazer perguntas, compartilhar ideias, debater abordagens e desafiar suposições enquanto trabalhamos para resolver problemas e encontrar soluções melhores juntos. É assim que as ideias são fortalecidas.

O respeito anda de mãos dadas com a paixão e a necessidade de desafiar construtivamente uns aos outros. Se você for tão apaixonado por entender as contribuições de outra pessoa quanto for pelas suas próprias ideias, será fácil encontrar respeito mútuo.

A Red Hat é uma empresa global com mais de 20.000 associados, todos com algo a contribuir e uma perspectiva única, unidos na mesma equipe por uma missão compartilhada. Participe de cada interação com a curiosidade de entender um ao outro. Ouçam e respeitem uns aos outros, mesmo que discordem. Esteja aberto para aprender algo novo ou obter uma perspectiva diferente, seja em uma tecnologia ou em uma experiência. Esteja aberto às barreiras que outros podem ver no caminho de sua ideia. Aprenda com eles. Quando necessário, esteja aberto a mudar de ideia.

Aprendi infinitamente mais sendo desafiado e quando os outros me mostravam que estava errado do que quando estava certo. O orgulho pode tornar esses momentos difíceis de aceitar, mas devemos estar abertos a eles – não podemos ficar cegos pela paixão. Quando conseguimos deixar nossas mentalidades típicas, novas ideias podem nascer.

Como Red Hatters, somos chamados a debater ideias, não pessoas. Debateremos produtivamente as ideias que nos permitirão progredir, inovar e fornecer soluções inovadoras. Não temos que concordar em tudo; sinceramente, se estamos trazendo essa paixão de que falei, não deveríamos. A parte aberta da cultura da Red Hat nunca significou que trabalhamos como uma democracia, ou mesmo que obteremos consenso. Como empresa, devemos tomar decisões rápidas que nos permitam aproveitar a oportunidade à nossa frente. Às vezes, isso significa que você expressará suas ideias ou pensamentos e depois discordará e se comprometerá assim que uma decisão for tomada.

Não importa o tema ou a profundidade de sua paixão, devemos sempre trazer um nível de respeito que possa nos colocar em pé de igualdade.

Contribuição com responsabilidade. 

Estar em pé de igualdade é o que diferencia a Red Hat: cada um de vocês tem o poder de influenciar a empresa. Cada um. Mesmo entrando como estagiário, você pode gerar um impacto. Eu realmente acredito nisso.

Na Red Hat, você pode influenciar a empresa e causar impacto contribuindo e participando. Seu cargo não influencia o impacto que você pode causar. Precisamos de suas ideias, habilidades e conhecimentos. Todos vocês estão aqui por uma razão e trazem algo único para a Red Hat, não importa onde estejam. Mas você tem que compartilhar isso. Todos aqui devem sentir que não apenas podem participar, mas que precisamos que participem, compartilhem ideias, sejam voluntários em projetos e se esforcem. Abrace sua função e se destaque, mas nunca seja limitado por ela.

Quando você contribui, queremos que isso conte. Você deve ter a responsabilidade de direcionar suas contribuições. Você tem que entender nossa estratégia e fazer contribuições que a façam progredir, não trabalhar contra ela ou uns contra os outros. A maneira como você contribui é importante.

Contribuir não significa que suas ideias sempre serão bem-sucedidas. Quero nos ver experimentando coisas novas. Também quero que cometamos erros e até falhemos às vezes – isso é importante porque significa que estamos sendo ousados e saindo de nossas zonas de conforto. A chave é que sempre aprendemos e nos ajustamos rapidamente para não cometermos o mesmo erro novamente para que possamos progredir mais rapidamente nas áreas que estão funcionando. Não fique preso no ciclo de tentar fazer algo funcionar quando não está dando resultados.

Se você vai contribuir, você deve seguir adiante. Uma das coisas que acredito ter me ajudado ao longo da minha carreira é que não tenho medo de fazer qualquer tarefa que ajude a equipe a avançar. Na minha adolescência, trabalhei em uma padaria de bagel. Eu tinha um chefe chamado Alan, que nos lembrava regularmente que "todos nós esvaziamos o lixo por aqui". Nenhum trabalho estava abaixo de ninguém — todos nós nos ajudamos a fazer o trabalho. Não importa o cargo que você tenha na Red Hat, você deve sempre estar disposto a fazer o trabalho pesado. A Red Hat se tornou a Red Hat por ser heterogênea, e devemos manter essa mentalidade porque todos nós vamos esvaziar o lixo por aqui (obrigado, Alan).

Concretizando o potencial.

Também devemos continuar sendo curiosos. Tenha curiosidade sobre o mundo ao nosso redor, tenha ânimo para o próximo desafio e fique atento ao potencial, que talvez esteja em lugares improváveis. Em comunidades open source, existe um sistema direto para descobrir quem são os contribuidores que causam maior impacto; muitas vezes não é a pessoa que fala mais ou as pessoas que você esperaria.

O potencial incrível das pessoas me inspira frequentemente. Eu vi quando contratamos colaboradores sem experiência em open source que se tornaram alguns dos engenheiros de open source mais impactantes do mundo. Apostar, seja em uma pessoa ou em um novo projeto, será fundamental à medida que crescemos. Quando contratarmos, procure por alguém que acrescente à cultura, não que se ajuste à cultura existente. Encontre essa paixão, incentive contribuições e faça deste um lugar onde todos sejam bem-vindos e possam prosperar.

Abraçar esses valores nos dará a dinâmica de equipe que precisamos para vencer. Mas nosso manual também precisará de algum refinamento. Com todas as oportunidades do mercado, seria fácil começar a fazer mais e mais coisas para tentar capturá-las.

Em vez disso, acredito que estamos no momento perfeito em nossa jornada para simplificar. Há poder na simplicidade e no foco. Nossa estratégia é entregar nuvem híbrida aberta. Para fazer isso, devemos fornecer as plataformas que possibilitam o sucesso do cliente, desde ambientes on-premises até serviços em nuvem e na edge. Refinaremos nosso catálogo para transformá-lo no conjunto mais simples possível de coisas para entregar nessas áreas e, com essa simplicidade, acredito que podemos nos tornar os melhores da categoria em tudo o que fazemos.

Nesse espírito de simplificação, também quero que revigoremos o núcleo do valor da Red Hat – o que oferecemos aos clientes que outros não podem. Tornamos os clientes bem-sucedidos com software open source.

Às vezes paramos depois da palavra bem-sucedidos, mas a parte "com software open source" é o mais importante. Há muito software open source por aí e, sim, o mercado está mais lotado do que no início. Mas isso aconteceu porque estamos realizando o que nos propusemos a fazer: mostrar o poder do open source para mudar o mundo.

O open source é agora solidamente o motor de inovação para o setor de software e a Red Hat é a líder em open source empresarial, ponto final. Ninguém faz isso melhor do que nós. Continuaremos a merecer essa posição respeitada e nos esforçaremos para oferecer a inovação open source que torna os clientes bem-sucedidos.

Estou aqui para fazer o trabalho com você. Vamos arregaçar as mangas juntos, abraçar esses valores e conquistar a oportunidade à nossa frente.

Matt


About the author

Matt Hicks was named President and Chief Executive Officer of Red Hat in July 2022. In his previous role, he was Executive Vice President of Products and Technologies where he was responsible for product engineering for much of the company’s portfolio, including Red Hat® OpenShift® and Red Hat Enterprise Linux®. He is one of the founding members of the OpenShift team and has been at the forefront of cloud computing ever since.

Read full bio
Red Hat logo LinkedInYouTubeFacebookTwitter

Produtos

Ferramentas

Experimente, compre, venda

Comunicação

Sobre a Red Hat

A Red Hat é a líder mundial em soluções empresariais open source como Linux, nuvem, containers e Kubernetes. Fornecemos soluções robustas que facilitam o trabalho em diversas plataformas e ambientes, do datacenter principal até a borda da rede.

Assine nossa newsletter Red Hat Shares

Cadastre-se agora

Selecione um idioma

© 2022 Red Hat, Inc. Red Hat Summit