Login / Registre-se Account

APIs

Por que escolher a Red Hat para o gerenciamento de APIs?

A Red Hat fornece soluções modulares, leves e abrangentes de API, que são desenvolvidas com tecnologia e padrões open source, além de estarem disponíveis para ambientes on-premise ou na cloud.

Nenhuma aplicação funciona completamente isolada

Isso significa que nenhuma aplicação consegue gerar valor corporativo sozinha, pelo menos não por muito tempo. As aplicações precisam estar conectadas aos investimentos tecnológicos atuais e futuros da empresa para gerar valor continuamente e, até mesmo, existir como um elemento para a realização de negócios.

Sabemos que a sua empresa também está enfrentando esse desafio: proporcionar novas experiências aos clientes de maneira rápida é a única maneira de se manter competitiva. Mas para que serve uma aplicação nova se ela não estiver bem integrada aos investimentos legados? Ao mesmo tempo, como é possível implementar a segurança de APIs de maneira proativa, flexível e consistente?

O fato é que sua empresa precisa de uma solução para realizar e gerenciar integrações reproduzíveis de implantação rápida.

Quando as interfaces de programação de aplicações (APIs) são bem projetadas e gerenciadas, elas interconectam novas soluções e serviços da sua empresa rapidamente e ainda possibilitam que você mantenha o controle e a segurança. Com elas, é possível reutilizar recursos e ser mais versátil ao projetar novas ferramentas e soluções. Uma arquitetura de software é executada com mais eficiência quando há APIs para possibilitar a comunicação entre dezenas de pontos de contato digitais.

Ainda assim, implementar e gerenciar as integrações de API podem ser tarefas desafiadoras. Talvez a sua solução não seja adaptável a usuários sem conhecimento técnico especializado. Talvez você tenha uma solução de iPaaS que seja adaptável, mas ainda assim exija que os usuários acessem uma estrutura centralizada para ampliar ou solicitar serviços novos, tornando o trabalho da equipe mais lento. Se suas APIs são de alguma forma públicas (para monetização, por exemplo, como a API do Google Maps), você também precisará entender como controlar o acesso e o uso. Por fim, você precisa de uma infraestrutura de API que funcione perfeitamente agora e no futuro, à medida que sua empresa cresce. Para isso, é preciso contar com uma solução e uma arquitetura que possam ser escaladas. Ao adotar uma abordagem de integração ágil centrada em APIs, você poderá extrair o máximo de valor das APIs.


Qual é o diferencial da Red Hat?

A Red Hat oferece soluções modulares, leves e abrangentes para o gerenciamento de APIs, assim como muitos outros fornecedores. No entanto, nossas ofertas são únicas porque são baseadas em tecnologia e padrões open source e disponibilizadas para ambientes on-premise, na cloud e híbridos. A Red Hat é comprometida com a evolução e adoção de tecnologias open source. Por isso, nosso portfólio passa por testes abrangentes, realizados por uma comunidade diversificada, incluindo engenheiros, clientes, fornecedores independentes de software e hardware e parceiros. O open source é a filosofia da Red Hat.

Nossas soluções de API se concentram na capacidade de reutilização, agilidade da TI e interface de gerenciamento para você avaliar, monitorar e escalar. Assim, é possível expandir conforme a necessidade dos negócios.

Nossas soluções de gerenciamento de APIs

Gerencie suas APIs com o 3scale

O Red Hat® 3scale API Management é uma plataforma de gerenciamento de APIs que facilita o compartilhamento, a proteção, a distribuição, o controle e a monetização de APIs. O 3scale API Management foi desenvolvido para escalar e aceitar arquiteturas híbridas (on-premise, na cloud ou qualquer combinação de ambos). Quer tornar público e monetizar o acesso às suas APIs? Use um portal de desenvolvedores integrado e uma plataforma de integração com Stripe, Baintree e Adyen para proporcionar funcionalidades de faturamento completas e fáceis de usar por fornecedores e consumidores de API.

O 3scale API Management é dividido entre uma camada de gerenciamento de programas de API e outra de controle do tráfego da API. Os métodos mais tradicionais de controle de tráfego são mais demorados porque exigem a autenticação da chamada de API inteira. A nova camada de controle de tráfego precisa apenas inspecionar o cabeçalho da chamada recebida. Assim, o tráfego é verificado e autenticado com mais rapidez. Com os controles de acesso, de políticas e de tráfego, fica mais fácil autenticar o tráfego, restringi-lo por política, proteger os serviços de back-end, impor limites de taxa e criar níveis de acesso.

As duas camadas se comunicam entre si de maneira assíncrona, usando estratégias de armazenamento em cache configuráveis no gateway da API. Portanto, se, por exemplo, a configuração de políticas de gerenciamento da API não estiver disponível, o programa da API continuará a funcionar sem desacelerar. Como o gateway e o gerenciador de APIs são separados, é possível escalar de maneira independente e oferecer suporte a opções de implantação mais complexas.

O 3scale API Management inclui um portal do desenvolvedor totalmente personalizável. Assim, os desenvolvedores têm acesso a tudo o que precisam (gerenciamento de contas e aplicações, análises, gerenciamento de chaves da API etc.) em um único painel fácil de usar. Além disso, há uma ferramenta interativa de documentação de APIs que permite aos desenvolvedores examinar as APIs dinâmicas, e uma plataforma de análises que fornece todos os dados necessários sobre os padrões de tráfego e o desempenho. Por fim, é possível "empacotar as APIs" de maneira diferente em soluções distintas, definindo e configurando políticas variadas para consumidores diversos da API. Assim, você tem a liberdade de criar modelos de negócios exclusivos usando as mesmas APIs para atender a necessidades de clientes diferentes.

Comece agora mesmo

Facilite o compartilhamento, a proteção, a distribuição, o controle e a monetização de suas APIs para usuários internos ou externos.

Integre os recursos da sua TI com o Fuse

O Red Hat Fuse é uma plataforma de integração distribuída que possibilita aos especialistas em integração, desenvolvedores de aplicações e usuários de negócios criar soluções conectadas de maneira colaborativa ou independente. Com o desenvolvimento centrado em APIs em um ambiente nativo em cloud do Fuse, é mais fácil ampliar e reutilizar os serviços e as integrações. A arquitetura híbrida da solução e o uso da tecnologia de containers permitem aos usuários trabalhar em qualquer ambiente que desejarem, com a certeza de que o trabalho poderá ser compartilhado e utilizado em qualquer infraestrutura (on-premise, na cloud ou qualquer combinação de ambos). Além disso, a base compartilhada e de fácil utilização garante uma governança clara e consistente, sendo mais uma garantia de que é possível a colaboração entre usuários distintos.

Nos últimos 15 anos, o padrão do setor para a integração corporativa era implantar um Enterprise Service Bus (ESB) centralizado e gerenciado por uma única equipe do departamento de TI. Nesse modelo, a equipe central era responsável por todas as necessidades de integração da empresa inteira. Esse modelo é adequado para determinados casos de uso, pois é eficiente e permite controlar implantações de integração. No entanto, ele atrasa as práticas modernas, como DevOps e fluxos de trabalho ágeis. Atualmente, a inovação é desenvolvida por equipes muito menores que trabalham de maneira colaborativa e é implantada em padrões muito mais frequentes. Se suas equipes trabalham de maneira ágil, você precisa de uma solução de integração de API compatível com esse tipo de abordagem. O Fuse inclui mais de 200 conectores para que você possa integrar tudo, de sistemas legados a redes de parceiros.

Com a interface low-code, desenvolvida com tecnologia drag and drop e funcionalidades de autosserviço, os usuários podem usar padrões predefinidos de integração e serviços para criar soluções corporativas novas. Esse é um modo de encorajar os diversos tipos de usuários a trabalhar de maneira colaborativa, mas com independência, para integrar aplicações legadas, APIs e dispositivos de Internet das Coisas (IoT) em uma solução unificada. Os recursos de automação garantem que as tarefas de teste, provisionamento e proteção de serviços individuais sejam realizadas de maneira rotineira, para que as suas equipes mantenham um pipeline de entrega contínua.

Comece agora mesmo

Uma plataforma de integração nativa em cloud e distribuída que conecta APIs on-premise, na cloud e em qualquer outro ambiente de sua escolha.

Integração ágil para empresas modernas prontas para a cloud

41%

das empresas com experiência em cloud têm estratégias que priorizam a cloud

40%

dos entrevistados usam integração de aplicações, integração de dados ou gerenciamento de APIs em ambientes on-premise

54%

dos entrevistados com experiência em projetos de cloud usaram microsserviços para o desenvolvimento de aplicações personalizadas em 2017

Parece que estamos contando vantagem? Você não precisa aceitar apenas o que dizemos.

Veja alguns casos reais do setor de aviação. Saiba como uma solução de API eficaz torna tudo mais ágil, eficiente e escalável.

Prevemos que seria arriscado ter a nossa API aberta, Flight, em execução na nossa infraestrutura crítica. Não conseguíamos ter capacidade de escalabilidade suficiente com a infraestrutura on-premise que tínhamos. Portanto, queríamos ver como uma cloud corporativa poderia nos ajudar.

Mechiel Aalbers, coordenador técnico sênior de aplicações do Aeroporto de Amsterdã Schiphol

Com as tecnologias open source Red Hat, resolvemos problemas com uma compreensão real do que está disponível para nós.

Tobias Mohr, chefe de tecnologia e infraestrutura, Aviator, Lufthansa Technik

Inovação aberta com a Red Hat

As soluções para APIs da Red Hat são desenvolvidas com as comunidades open source em mente. Isso significa que mais pessoas estão desenvolvendo softwares para solução de problemas de maneira aberta, transparente e livre. Mas somente o fato de ser open source não garante a inovação.

A verdadeira inovação vem da troca de ideias e do trabalho conjunto para solucionar problemas comuns. É exatamente isso que o open source desenvolvido em parceria com as comunidades oferece. É aí que o Red Hat Open Innovation Labs entra em cena. Proporcione à sua equipe uma experiência imersiva de residência intensiva e altamente especializada para turmas de três a seis desenvolvedores. O objetivo é aprender como criar aplicações conectadas por APIs do jeito Red Hat.