Contato

Caso de sucesso

Como a Red Hat e a Microsoft ajudaram o Grupo Logístico Andreani a atender o aumento rápido de demanda

Grupo Logístico Andreani

O Grupo Logístico Andreani, empresa líder de logística na Argentina, recebeu a missão de distribuir produtos essenciais, como fármacos e itens de necessidade básica, para manter o país abastecido ao longo do período obrigatório de isolamento social durante a pandemia da Covid-19. A empresa usou o Microsoft Azure Red Hat OpenShift para que os serviços não fossem interrompidos. O processo de adoção foi concluído em menos de uma semana e a empresa conseguiu atender a um aumento de 35% no volume de demanda.

Com operações na Argentina, no Brasil e no Uruguai, o Grupo Logístico Andreani gerencia soluções de e-commerce e logística para setores de alto valor agregado. A Andreani presta serviços para mais de 300 empresas clientes que atuam nas áreas tecnológica, farmacêutica, de cosméticos, de serviços financeiros e de telecomunicação.

Menção honrosa no Red Hat Innovation Awards de 2022


Desafio

A pandemia acelerou a transformação digital

Poucas semanas depois da disseminação da Covid-19 ser declarada uma pandemia em março de 2020, a Andreani viu um aumento de 35% na demanda (um volume extra que não era previsto para antes de 2023). Ao mesmo tempo, a organização precisava cumprir as restrições obrigatórias da quarentena, uma ameaça à capacidade de realizar as operações. A empresa precisava encontrar uma maneira rápida, eficiente e mais segura de expandir a capacidade operacional e de processamento para evitar atrasos ou interrupções nos serviços. Além de atender ao rápido crescimento da demanda, a Andreani também tinha obrigações contratuais a cumprir para evitar penalidades financeiras. Tudo isso precisava ser feito sem perdas na reputação da empresa, na qualidade dos serviços e nos níveis de satisfação dos clientes.

A Andreani já estava fazendo melhorias para flexibilizar suas operações. Porém, a pandemia da Covid-19 trouxe desafios para os quais a empresa ainda não estava totalmente preparada. A empresa iniciou a jornada da transformação digital em 2018 com o Red Hat OpenShift. Também adotou a nuvem híbrida com o Microsoft Azure. O objetivo era modernizar as aplicações com o uso de containers e microsserviços e, assim, satisfazer a necessidade da empresa de flexibilizar e agilizar as mudanças.

Solução

Aumento da capacidade para cumprir as obrigações críticas

A Andreani trabalhou por anos com a Microsoft e a Red Hat em projetos separados. A empresa já estava colaborando com a Microsoft em uma estratégia de nuvem híbrida com o Microsoft Azure que visava reduzir a infraestrutura física. A Andreani escolheu o Red Hat OpenShift à parte para gerenciar containers e microsserviços de forma independente da implantação em nuvem híbrida subjacente. Para atender à demanda, a Andreani adotou o Azure Red Hat OpenShift e padronizou a rota de transporte das operações de logística. 

A criação, a operação e o suporte do Azure Red Hat OpenShift são frutos de uma parceria entre a Red Hat e a Microsoft. Ambas as empresas colaboram para gerenciar a infraestrutura. Desse modo, as equipes da Andreani ficam livres para desenvolver e entregar soluções. E como a Andreani usa o OpenShift em toda a infraestrutura de nuvem pública e privada, ela tem uma camada de abstração para migrar os serviços de uma instância para outra. 

A Andreani levou cerca de um mês para preparar as provas de conceitos para migrar dinamicamente as cargas de trabalho do OpenShift local para o Azure Red Hat OpenShift e testar a implementação.

Resultados empresariais

Entrega de uma solução rápida e eficaz

Com o Azure Red Hat OpenShift, a Andreani conseguiu dar mais agilidade e segurança aos sistemas para atender ao aumento de 35% na demanda e cumprir os compromissos existentes. Sem ele, a implantação de um novo cluster do OpenShift para lidar com a demanda levaria de três a quatro semanas. A solução adotada ajudou a Andreani a executar cargas de trabalho em cerca de uma hora.

O desafio foi superado tão rapidamente em grande parte devido à colaboração entre a Andreani, a Red Hat e a Microsoft, que trabalharam juntas como uma verdadeira equipe. Com essa solução, a Andreani também pode escalar suas operações conforme a necessidade e a demanda empresarial, além de ter flexibilidade para usar recursos locais e na nuvem. E a empresa também viu uma grande melhora na experiência de usuário com o gerenciamento eficiente de despesas baseado na demanda e entrega acelerada de serviços de TI. O próximo passo na jornada da transformação digital será atualizar as versões do OpenShift no datacenter para escalar horizontalmente e migrar cargas de trabalho para a nuvem híbrida de forma dinâmica.

A Andreani viu que os benefícios vão além da receita. A qualidade do serviço melhorou para mais de 300 clientes, 5 mil usuários e 2 milhões de destinatários em meio a uma das crises globais mais desafiadoras causada pela pandemia da Covid-19.

Ao ver o fruto da união entre a Microsoft e a Red Hat no Azure Red Hat OpenShift, temos certeza de que tomamos a decisão certa ao escolhê-las. Sabemos que essa tecnologia continuará acompanhando o crescimento das cargas em nuvem que estamos enfrentando.

Sebastián Sarasate

Gerente de infraestrutura, Grupo Logístico Andreani


Casos relacionados

O Ministério da Saúde da Argentina criou um painel para oferecer suporte à resposta à pandemia da Covid-19.

A Secretaria de Inovação oferece aos argentinos acesso fácil a informações e serviços.

A Medifé lançou uma plataforma de telemedicina que digitalizou as interações de assistência médica na Argentina.

Red Hat logoLinkedInYouTubeFacebookTwitter

Produtos

Ferramentas

Experimente, compre, venda

Comunicação

Sobre a Red Hat

A Red Hat é a líder mundial em soluções empresariais open source como Linux, nuvem, containers e Kubernetes. Fornecemos soluções robustas que facilitam o trabalho em diversas plataformas e ambientes, do datacenter principal até a borda da rede.

Assine nossa newsletter Red Hat Shares

Cadastre-se agora

Selecione um idioma