Account Login
Jump to section

Introdução à infraestrutura hiperconvergente

Copiar URL

Hiperconvergência é uma abordagem definida por software que se aplica a toda a infraestrutura. Uma infraestrutura hiperconvergente (HCI) oferece vantagens para empresas com escritórios remotos, implantações de datacenter menores e nuvens privadas, bem como para o desenvolvimento de aplicações de edge computing e testes.

Hiperconvergência é uma abordagem à infraestrutura de TI que consolida os recursos de computação, armazenamento e rede em um sistema unificado. Uma infraestrutura hiperconvergente é formada por recursos de computação (máquinas virtuais) gerenciados por meio de um hipervisor, de armazenamento definido por software e de rede definida por software. Com a hiperconvergência de recursos virtualizados, é possível gerenciá-los usando uma interface unificada.

A integração de computação e armazenamento definidos por software ajuda a reduzir a complexidade e a infraestrutura física do datacenter, além de viabilizar cargas de trabalho mais modernas com arquiteturas flexíveis em hardware padrão do setor.

A abordagem de "tudo definido por software" da hiperconvergência requer a virtualização da infraestrutura de armazenamento. Ao contrário dos sistemas tradicionais de armazenamento NAS ou de Rede de Área de Armazenamento (SAN), o armazenamento definido por software é desenvolvido para funcionar em qualquer sistema x86, eliminando a dependência entre software e hardware proprietário. Essa abordagem cria uma camada de software entre o armazenamento físico e a solicitação de dados. Dessa forma, você tem controle de como e onde os dados são armazenados.

Assim como no caso do armazenamento, uma rede definida por software (SDN) virtualiza as funções de rede em uma infraestrutura hiperconvergente. Com a SDN, as equipes de operações de TI controlam o tráfego de rede em topologias complexas por meio de um painel centralizado. Assim, elas não precisam gerenciar cada dispositivo de rede manualmente.

As infraestruturas hiperconvergentes usam um hipervisor, como KVM, para gerenciar os recursos virtualizados da infraestrutura. Também chamado de monitor da máquina virtual (VMM), o hipervisor isola o sistema operacional e os recursos das máquinas virtuais, além de permitir que essas VMs sejam criadas e gerenciadas.

Leia mais

Artigo

O que é KVM?

As máquinas virtuais baseadas em kernel (KVM) são uma tecnologia de virtualização open source que transforma o Linux em um hipervisor.

Artigo

O que é uma máquina virtual (VM)?

Uma máquina virtual (VM) é um ambiente de computação isolado, criado a partir da abstração de recursos de uma máquina física.

Artigo

Containers x máquinas virtuais

Os containers Linux e as máquinas virtuais são ambientes de computação empacotados que combinam vários componentes de TI e os isolam do restante do sistema.

Leia mais sobre infraestruturas hiperconvergentes

Soluções Red Hat

Red Hat Hyperconverged Infrastructure

Computação e armazenamento definidos por software, co-localizados, escaláveis e executados em hardware econômico padrão do setor.

Conteúdo adicional

Illustration - mail

Quer receber mais conteúdo deste tipo?

Cadastre-se para receber a nossa newsletter Red Hat Shares.

Red Hat logo LinkedInYouTubeFacebookTwitter

Produtos

Ferramentas

Experimente, compre, venda

Comunicação

Sobre a Red Hat

A Red Hat é a líder mundial em soluções empresariais open source como Linux, nuvem, containers e Kubernetes. Fornecemos soluções robustas que facilitam o trabalho em diversas plataformas e ambientes, do datacenter principal até a borda da rede.

Assine nossa newsletter Red Hat Shares

Cadastre-se agora

Selecione um idioma

© 2022 Red Hat, Inc.