Login / Registre-se Account

Cloud computing

O que é a PaaS?

Plataforma como serviço (PaaS) é uma forma de cloud computing em que as plataformas de hardware e software de aplicações são fornecidas por terceiros. Direcionada principalmente para desenvolvedores e programadores, a solução de PaaS permite ao usuário desenvolver, executar e gerenciar aplicações sem ter o trabalho de criar e manter a infraestrutura ou plataforma que normalmente está associada a esses processos.

Em uma solução de PaaS, um provedor hospeda os componentes de hardware e software em sua infraestrutura, fornecendo essa plataforma ao usuário como uma solução integrada, um stack de soluções ou um serviço por meio de uma conexão com a Internet.

Por exemplo, digamos que você teve uma ideia revolucionária: escreveu o código de uma aplicação que vai fazer tudo automaticamente e facilitar a vida de todos. Você está muito empolgado com sua criação, o que ela pode fazer e aonde pode chegar. Para evitar o estresse adicional de ter que instalar o hardware on-premise, fazer a manutenção de servidores, manter o software da infraestrutura atualizado e configurar uma plataforma personalizada onde a aplicação será compilada, você escolhe um provedor de PaaS que hospedará a plataforma e fornecerá o ambiente necessário para executar seu código.


PaaS x IaaS x SaaS

Em termos gerais, "como serviço" refere-se a um serviço fornecido por terceiros para que sua empresa possa se concentrar no que realmente importa, como desenvolvimento de código e relacionamento com clientes. Outras duas opções de "como serviço" são a infraestrutura como serviço (IaaS) e o software como serviço (SaaS).

IaaS significa que um provedor gerencia a infraestrutura para você – servidores, a rede, a virtualização e o armazenamento – por meio de uma nuvem. O usuário pode acessá-la por meio de uma interface de programação de aplicações (API) ou painel de controle. Em suma, a infraestrutura é alugada. O usuário gerencia componentes como sistema operacional, aplicações e middleware, enquanto um provedor cuida do hardware, da rede, dos discos rígidos, do armazenamento e dos servidores, sendo também o responsável por corrigir interrupções, fazer reparos e solucionar problemas de hardware.

Em uma solução de SaaS, o provedor gerencia uma aplicação por você. É ele que realiza atualizações, correções de bugs e outras tarefas gerais de manutenção do software. O usuário precisa apenas se conectar à aplicação por meio de um navegador web ou de uma API. Esse tipo de solução também elimina a necessidade de ter uma aplicação instalada localmente em cada computador.


Vantagens da PaaS

Uma solução de PaaS é uma opção excelente para desenvolvedores e programadores que escrevem o código para transformar as próprias ideias em realidade, mas não têm – nem querem ter – os equipamentos necessários e o inconveniente de mantê-los em suas instalações locais.

Eles podem sincronizar o código que criaram com a PaaS e executar a aplicação usando o hardware e o software do provedor, que também será responsável pela manutenção e atualização desses componentes. Isso abre caminho para mais oportunidades de desenvolvimento e inovação, pois reduz as distrações e o volume de trabalho de configuração e codificação da infraestrutura. Além disso, uma solução de PaaS proporciona maior escalabilidade e facilita a migração, já que ela existe na nuvem.


Fatores a considerar ao escolher um provedor de PaaS

Há algumas coisas que você precisa ter em mente ao escolher uma solução de PaaS:

  • Quais as funcionalidades incluídas? Sua aplicação vai funcionar nela? Conforme sua aplicação evolui e agrega mais usuários, é necessário ter certeza de que a solução do provedor escolhido proporcione a escalabilidade e as opções de que você precisa.
  • A solução está otimizada para a linguagem e o framework que você usa? Se não estiver, você poderá ter problemas com os ambientes de execução.
  • O provedor continuará ativo enquanto você precisar dele? Verifique se o provedor tem um histórico de estabilidade e confiança com os clientes para ter certeza de que ele não deixará de cumprir as obrigações com você.
  • Qual a estimativa de usuários para a aplicação? Quanto maior o número de usuários e a especificidade do código, mais lenta poderá ser a execução da aplicação. Também será mais difícil migrar para outro provedor de serviços, se necessário.

PaaS com a Red Hat

As soluções Red Hat proporcionam segurança, apoio da comunidade e décadas de experiência, com flexibilidade para crescer e expandir na mesma velocidade das suas ideias. Com nossos stacks de aplicações sob demanda e templates de aplicações de início rápido, você pode começar a criar sua própria aplicação com apenas um clique.

O Red Hat®OpenShift é uma plataforma de aplicações em container que inclui um sistema operacional Linux para empresas, um ambiente de execução em container, rede, monitoramento, registros e soluções de autenticação e autorização.

Com o Red Hat OpenShift, você pode automatizar o gerenciamento do ciclo de vida para ter mais segurança, soluções operacionais personalizadas e portabilidade de aplicações. Você também pode padronizar os fluxos de trabalho de desenvolvedor, otimizar a entrega, oferecer compatibilidade com vários ambientes e viabilizar a integração contínua com controle automático de versões. O Red Hat Marketplace oferece implantação automatizada de aplicações certificadas em qualquer cluster do Red Hat OpenShift.

Além disso, o Red Hat OpenShift prioriza a segurança, conta com uma plataforma de Kubernetes com suporte e inclui consultoria e treinamento oferecidos por especialistas para os clientes que precisam de mais ajuda.