Jump to section

Informações

Em 30 de junho de 2024, o CentOS Linux 7 chegará ao fim de sua vida útil (EOL). Conheça as opções da Red Hat que podem facilitar sua migração, como o Red Hat Enterprise Linux for Third Party Linux Migration.

CentOS

Copiar URL

CentOS é um projeto open source que lança duas distribuições Linux® distintas: o CentOS Stream e o CentOS Linux. O CentOS Stream é a plataforma de desenvolvimento upstream para os próximos lançamentos de soluções Red Hat® Enterprise Linux.

O CentOS Project não fará mais atualizações nem lançará novas versões do CentOS Linux® entre 2021 e 2024. Isso significa que os usuários do CentOS Linux atual precisam escolher um caminho de migração. As atualizações do CentOS Linux 8 encerraram em dezembro de 2021 e do CentOS Linux 7 encerram em 30 de junho de 2024. Para ajudar nessa transição, use o assistente de migração do CentOS Linux para identificar possíveis considerações aos seus ambientes ou necessidades específicas.

CentOS

CentOS, por si só, é o projeto, a comunidade de pessoas que participam dele e todos os recursos que as permitem trabalhar nos resultados do projeto do CentOS. A Red Hat, Almalinux, CloudLinux e AWS contribuem com essa comunidade.

CentOS SIGs

Os grupos de interesse especial do CentOS (CentOS SIGs) são grupos menores dentro do projeto CentOS que gerenciam componentes específicos ou usos das distribuições do Linux. Os CentOS SIGs podem ter como foco armazenamento, virtualizaçãocloud computing e muito mais.

CentOS Stream

CentOs Stream é uma distribuição do Linux e também a plataforma de desenvolvimento upstream para os próximos lançamentos das soluções Red Hat® Enterprise Linux.

CentOS Linux

Uma distribuição do Linux derivada do código-fonte lançado pela Red Hat. O CentOS Project não fará mais atualizações nem lançará novas versões do CentOS Linux entre 2021 e 2024.

Ambos sistemas operacionais são distribuições open source do Linux, versões do CentOS e parte do ecossistema geral do Linux empresarial. O CentOS Stream atua como plataforma de desenvolvimento open source para os próximos lançamentos do Red Hat Enterprise Linux. Ou seja, o CentOS Stream se tornará o Red Hat Enterprise Linux, enquanto o CentOS Linux é derivado do código-fonte lançado pela Red Hat. 

Blog da Red Hat: perguntas frequentes sobre o CentOS Stream

Tradicionalmente, cada versão do CentOS Linux refletia as versões principais do Red Hat Enterprise Linux. Ambos usavam o sistema gerenciador do pacote RPM e tinham funcionalidades, compatibilidade e correções de bug similares.

O CentOS Stream segue logo à frente dos lançamentos do Red Hat Enterprise Linux e é continuamente entregue como o código-fonte que se tornará versões de manutenção do Red Hat Enterprise Linux. O CentOS Stream disponibiliza o código-fonte de desenvolvimento do Red Hat Enterprise Linux para que os membros da comunidade possam contribuir e testá-lo com os engenheiros do Red Hat Enterprise Linux. Os membros da comunidade, juntamente com parceiros da Red Hat e desenvolvedores de ecossistemas, podem fazer o download, adaptar, enviar patches e sugerir mudanças que poderiam ser incluídas no próximo lançamento de manutenção do Red Hat Enterprise Linux. 

CentOS Stream: criando o futuro inovador para o Linux empresarial

O CentOS Linux é a versão downstream do Red Hat Enterprise Linux mais utilizado para desenvolvimento e implantação e não tem um modelo de contribuição. As atualizações do CentOS Linux vão encerrar entre 2021 e 2024.

Com o projeto Fedora, o ciclo de desenvolvimento open source do Red Hat Enterprise Linux é o seguinte:

  1. Fedora: projeto upstream base para os lançamentos principais do Red Hat Enterprise Linux que ainda estão por vir.
  2. CentOS Stream: uma apresentação prévia das próximas versões de manutenção do Red Hat Enterprise Linux.
  3. Red Hat Enterprise Linux: a solução de sistema operacional empresarial oficial, robusta e com suporte completo.
  4. CentOS Linux: uma distribuição Linux produzida e mantida pela comunidade, derivada do código-fonte lançado pela Red Hat, programada para ser encerrada entre 2021 e 2024.

O CentOS é um projeto open source. O Red Hat Enterprise Linux é uma solução open source empresarial.

CentOS Stream, CentOS Linux e Red Hat Enterprise Linux são distribuições Linux distintas e há muitas diferenças técnicas: tanto de suporte, quanto de desenvolvimento entre elas.

  • Existem milhares de diferenças técnicas, como variações nos caminhos de execução binários. 
  • As estruturas de suporte são diferentes. O suporte ao CentOS Stream e CentOS Linux é feito por outros usuários e colaboradores. O Red Hat Enterprise Linux recebe suporte de engenheiros e funcionários em tempo integral.
  • A maneira que eles convidam, testam e fazem modificações no código-fonte é diferente. As contribuições para o Red Hat Enterprise Linux são enviadas pelo CentOS Stream. As contribuições para o CentOS Stream podem ser sugeridas por qualquer pessoa, mas só são aceitas e realizadas pela equipe de engenharia da Red Hat. O CentOS Linux não tem um modelo de contribuição.

Lideranças do setor de tecnologia escolhem o Red Hat Enterprise Linux em vez do CentOS Linux

O Red Hat Enterprise Linux pode ajudar na transformação dos negócios em escala para atender às demandas dos clientes, permitindo liberar recursos e consolidar sistemas de TI. Por ser uma fornecedora de sistemas de gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM) baseado na nuvem, a Salesforce está aproveitando a estabilidade que o Red Hat Enterprise Linux oferece às suas modernas cargas de trabalho de TI. A empresa está migrando mais de 200 mil sistemas do CentOS Linux para o Red Hat Enterprise Linux 9.

O CentOS Project não fará mais atualizações nem lançará novas versões do CentOS Linux® entre 2021 e 2024. Isso significa que os usuários do CentOS Linux atual precisam escolher um caminho de migração. As atualizações do CentOS Linux 8 encerraram em dezembro de 2021 e do CentOS Linux 7 encerram em 30 de junho de 2024.

No entanto, a comunidade do CentOS não será extinta. Os colaboradores da comunidade e usuários do CentOS continuarão participando das distribuições Linux open source como parte do projeto do CentOS Stream, que continuará como uma parte importante do processo de desenvolvimento do Red Hat Enterprise Linux.

Os CentOS SIGs continuarão as atividades dentro da comunidade, com base no direcionamento dos membros e das lideranças organizadoras de cada grupo. Qualquer pessoa pode solicitar a aprovação do conselho de administração do CentOS para iniciar um novo SIG.

O CentOS Stream continuará sendo a plataforma de desenvolvimento open source e o principal pipeline de desenvolvimento dos lançamentos de manutenção do Red Hat Enterprise Linux. 

  • O CentOS Stream 8 faz parte do processo de desenvolvimento do Red Hat Enterprise Linux 8, e as atualizações continuarão sendo lançadas na fase de suporte completo do ciclo de vida do Red Hat Enterprise Linux 8.
  • O CentOS Stream 9 foi lançado em 2021 como parte do processo de desenvolvimento do Red Hat Enterprise Linux 9 com um ciclo de atualização similar.

O código-fonte do CentOS Linux continuará disponível ao público em git.centos.org, mas as versões do  CentOS Linux 8 serão encerradas em dezembro de 2021. Organizações e comunidades que oferecem sistemas operacionais semelhantes ao CentOS Linux, como o Rocky Linux, Amazon Linux 2, AlmaLinux e Docker, precisarão ser consultadas diretamente, já que a Red Hat e o CentOS não participam dessas iniciativas. O Rocky Linux, que foi criado pelo cofundador do CentOS Gregory Kurtzer, também continuará criando distribuições semelhantes ao CentOS Linux. O conselho de administração do CentOS decidiu encerrar o CentOS Linux com o seguinte cronograma:

  • As atualizações do CentOS Linux 7 continuarão no ciclo de vida de suporte do Red Hat Enterprise Linux 7 até junho de 2024.
  • As atualizações do CentOS Linux 8 encerraram em 31 de dezembro de 2021.
  • O CentOS Linux 9 não será lançado.

Sim.

Pessoas e organizações qualificadas têm acesso a vários programas que oferecem subscrições do Red Hat Enterprise Linux sem custo (dependendo de algumas variáveis). Ferramentas da Red Hat para ajudar na migração estão disponíveis e contam com suporte completo, assim como a implantação resultante.

  • Desenvolvedores individuais podem obter uma subscrição sem custos do Red Hat Developer.
  • Os clientes da Red Hat podem se qualificar para uma subscrição sem custos do Red Hat Developer para equipes.
  • Projetos open source, comunidades e outros grupos de software sem fins lucrativos que trabalham com o open source podem se qualificar ao programa de Infraestrutura do Red Hat Open Source gratuitamente. 
  • Instituições acadêmicas e de pesquisa sem fins lucrativos podem ter acesso ao Red Hat Enterprise Linux a uma taxa reduzida pelo Red Hat Academy.

O CentOS Stream é uma plataforma de desenvolvimento open source upstream que permite desenvolver, testar e contribuir para uma distribuição entregue continuamente que é anterior ao Red Hat Enterprise Linux.

Como uma opção entre o Fedora e o Red Hat Enterprise Linux, o CentOS Stream permite que os usuários contribuam para o desenvolvimento da próxima versão do Red Hat Enterprise Linux e testem o software e o hardware com suporte antes do lançamento.

O CentOS Stream inclui o kernel e todos os componentes do espaço do usuário e é onde ocorre o desenvolvimento primário do próximo lançamento do RHEL. Ele viabiliza uma rota mais rápida para o mercado de ISVs, IHVs, OEMs e soluções Red Hat em camadas.

Há duas maneiras principais de começar a usar o CentOS Stream.

Migre do CentOS Linux 8 para o CentOS Stream 8 usando os seguintes comandos: 

[root@centos ~]# dnf swap centos-linux-repos centos-stream-repos [root@centos ~]# dnf distro-sync

Faça o download do CentOS Stream aqui.

Leitura recomendada

Artigo

O que é Linux?

O Linux é um sistema operacional open source composto por um kernel, que é sua base, e ferramentas, aplicações e serviços empacotados com ele.

Artigo

O que é SELinux?

O Security-Enhanced Linux (SELinux) é uma arquitetura de segurança para sistemas Linux® que permite que administradores tenham mais controle sobre quem pode acessar o sistema.

Artigo

O que é o kernel do Linux?

O kernel é o componente principal de um sistema operacional Linux e a interface central entre o hardware e os processos executados por um computador.