Jump to section

Nuvem x edge

Copiar URL

Uma nuvem é um ambiente de TI que abstrai, agrupa e compartilha recursos de TI em uma rede. A edge é um local de computação na borda de uma rede, juntamente com o hardware e software nesses locais físicos. Cloud computing é o ato de executar cargas de trabalho nas nuvens, enquanto edge computing é o ato de executar cargas de trabalho em dispositivos de edge.

Mais ou menos.

Os dispositivos de edge poderão contribuir para uma nuvem se os recursos de armazenamento e computação disponibilizados por esses dispositivos nos endpoints de uma rede forem abstraídos, agrupados e compartilhados em uma rede, tornando-se, essencialmente, parte de uma infraestrutura de nuvem maior. 

A edge computing não faz parte de uma nuvem. A edge computing é útil porque é propositalmente separada das nuvens e da cloud computing.

Definimos esses termos da seguinte forma:

  • As nuvens são lugares onde os dados podem ser armazenados ou as aplicações podem ser executadas. São ambientes definidos por software criados por datacenters ou farm de servidores.
  • Edges também são locais onde os dados são coletados. Eles são ambientes físicos compostos de hardware fora de um datacenter.
  • Cloud computing é o ato de executar cargas de trabalho em uma nuvem.
  • Edge computing é o ato de executar cargas de trabalho em dispositivos de edge.

Uma edge (local) não é a mesma coisa que edge computing (ação). Coletar dados na edge de uma rede e transferi-los para uma nuvem com o mínimo (se houver) de modificação não é edge computing, é apenas execução em rede. 

Mas, se esses dados são coletados e processados na edge, então é edge computing. 

A edge computing é separada das nuvens por dois motivos principais:

  1. Agilidade: o ritmo no qual uma decisão precisa ser tomada não permite o atraso que normalmente ocorreria quando os dados são coletados por um dispositivo de edge, transferidos para uma nuvem central sem modificações e depois processados antes que uma decisão seja retornada ao dispositivo de edge para execução.
  2. Volume de dados: o volume de dados coletado é grande demais para ser enviado sem alteração para uma nuvem.

 

Elas podem ser conectadas, mas isso não é obrigatório. 

As nuvens podem existir sem a Internet das Coisas (IoT) ou dispositivos de edge. A IoT e a edge podem existir sem nuvens. A IoT pode existir sem dispositivos de edge ou edge computing. Os dispositivos de IoT podem se conectar a uma edge ou nuvem. Alguns dispositivos de edge se conectam a uma nuvem ou datacenter privado, outros só se conectam temporariamente a locais centrais similares e outros nunca se conectam a nada. Nunca mesmo.

Mas a edge computing, quando usada como parte de operações de fabricação, mineração, processamento ou envio, raramente existe sem a IoT. Isso porque os dispositivos de IoT, ou seja, objetos físicos de uso diário que coletam e transferem dados ou ditam ações como controle de interruptores, fechaduras, motores ou robôs, são as fontes e os destinos que os dispositivos de edge processam e ativam sem depender de uma localização central ou nuvem.

Por exemplo: 

  • Normalmente, a automação residencial faz parte da IoT. Seu telefone e dispositivos domésticos inteligentes (lâmpadas, termostatos e tomadas) são todos dispositivos de IoT, porque simplesmente enviam e recebem dados e decisões de execução, às vezes através de uma nuvem. Nem seu telefone nem os dispositivos inteligentes processam os dados que coletam.
  • Imagens de satélite, como as usadas na Estação Espacial Internacional (ISS), compõem um processo de edge computing. Os dispositivos de edge fisicamente localizados na ISS executam código analítico em containers como um cluster do Red Hat® OpenShift® de nó único que se conecta ao IBM Cloud on Earth. Somente as imagens adequadas são enviadas para a estação. A edge computing é uma etapa necessária nesse caso porque o volume de dados coletados é grande demais para enviar a uma nuvem localizada na Terra.

O 5G se refere à quinta geração de redes de telecomunicações com melhorias em largura de banda e latência. Ele é um mecanismo de transporte que aumenta as capacidades da cloud computing e da edge computing, mas ele não é edge, dispositivo de edge nem edge computing. Computação mobile também não é o mesmo que edge computing. Dito de outra forma, seu smartphone (geralmente) não é um dispositivo de edge.

Como nossa abordagem recomendada para a tecnologia empresarial não muda independentemente de como ou onde você a implanta, tudo deve funcionar bem, em qualquer ambiente. No datacenter, nas nuvens ou na edge computing.

Essa é a premissa básica de uma estratégia de nuvem híbrida aberta. Uma estratégia de nuvem híbrida aberta permite executar aplicações em servidores em datacenters ou em dispositivos de edge entre várias nuvens sem ter que reconstruir essas aplicações, retreinar pessoas ou manter diversos ambientes. Temos um amplo ecossistema de parceiros certificados, incluindo provedores de serviços em nuvem pública populares, como IBM Cloud, Google Cloud, Amazon Web Services (AWS) e Microsoft Azure.

Portanto, deixe-nos ajudar você a criar uma nuvem, executar cargas de trabalho na edge e criar um sistema de TI mais seguro totalmente independente de limites de espaço e lugar.

Keep reading

ARTIGO

O que é gerenciamento de nuvem?

Saiba mais sobre as características do gerenciamento de nuvem e como uma plataforma específica para essa finalidade pode ajudar sua empresa.

ARTIGO

O que são serviços de TI gerenciados?

Serviços gerenciados são uma forma de transferir tarefas gerais para um especialista, de modo a reduzir custos, melhorar a qualidade do serviço ou liberar equipes internas para que possam realizar tarefas específicas da sua empresa.

ARTIGO

O que são serviços em nuvem?

Os serviços em nuvem consistem em infraestrutura, plataformas ou software hospedados por fornecedores terceirizados e disponibilizados aos usuários via internet.

Leia mais sobre cloud computing

Soluções Red Hat

Red Hat Openstack Platform

Uma plataforma para virtualização de hardware que organiza esses recursos em nuvens.

Red Hat OpenShift

Uma plataforma empresarial de aplicações em container Kubernetes com um stack completo de operações automatizadas para gerenciar implantações de nuvem híbrida, multicloud e edge computing.

Red Hat Consulting

Os consultores estratégicos da Red Hat fornecem uma visão geral da sua organização, analisam os desafios e ajudam a superá-los com soluções abrangentes e econômicas.

Conteúdo adicional

Ebook

Ebook: Estratégia de nuvem híbrida para leigos

VÍDEO - THE SOURCE TV

O futuro da nuvem: a evolução das soluções cloud

Aprenda mais sobre a evolução e o futuro das soluções em nuvem com os especialistas da Red Hat

Ebook

Tecnologia nativa em nuvem e a nuvem híbrida: um guia estratégico

Treinamentos Red Hat

Treinamento gratuito

Red Hat OpenStack Technical Overview

Illustration - mail

Quer receber mais conteúdo deste tipo?

Cadastre-se para receber a nossa newsletter Red Hat Shares.